Te escrevo sem saber

  

Chegou quando menos esperava, secou minhas lágrimas, ouviu meus gritos, entendeu minhas mágoas.. Chorou comigo, gritou,sorriu.

  Isso tudo ainda é sobre você e sobre nós, ainda escrevo em domingos chatos sem você,ainda ouço meu sol e lembro de ti, ainda choro digitando ou escrevendo sobre você, meus papeis continuam tendo manchas de lágrimas, mate e diversas cores de caneta. Eu continuo queimando, rasgando e apagando textos e mais textos porque desapego, me acho brega e tola,fico com medo da sua reação ser fria ou seilá o que..prefiro só eu ler.

 Continuo te escrevendo sem saber se você vai ler, as vezes tendo a certeza mas muitas das vezes são bobagens e desculpas por alguma briga, dentre outras são declarações extremamente românticas e clichês que não te faço faz tempo.Confesso que sinto saudades dessas coisas de recém apaixonados, eu te amos aleatórios,boa noites e referências apaixonantes com músicas.Relacionamentos longos podem dar uma esfriada sim, brigas idiotas e comodidade mas isso não significa que não sou mais apaixonada por ti, e digo que até hoje qualquer programa totalmente tedioso se transforma no melhor programa de todos, quando estou ao seu lado, que ainda me encanto quando vejo seu sorriso, que meu coração ainda bate forte quando você me beija e que ainda amo seu abraço. E se eu dissesse que me apaixono por você todos os dias mesmo se estou com raiva? e quando você vem e beija minha testa

[Ele não precisa me fazer bem o tempo todo.Pessoas se irritam, tem dias maus, se estressam durante o dia e mesmo assim, ninguém é perfeito e eu não vou agradar 24 horas muito menos ele não é mesmo? Brigas acontecem e com elas vem as desculpas e muitas das vezes elas podem acontecer da melhor forma possível…]

 Minhas palavras ainda são sobre você,sobre eu dormindo no seu ombro em uma viajem,sobre nossas idas ao cinema, sobre o vinho que não terminamos ou sobre as duas garrafas que não sobraram nem um gole, sobre seus olhos fechadinhos e seus dentinhos separados,sobre nossos abraços, nossas legendas, ainda é sobre nossas saudades e nossos términos, ainda é sobre nós e nosso amor. E isso tudo só permanece a nós dois e mais ninguém, podem falar e falar mas ninguém sentiu e viveu o que vivemos, podem tentar nos separar mas ninguém sabe o que acontece nas nossas brigas e conversas sérias.

 Ainda quero ter todas as viagens pensadas, filmes que temos que ver, eventos que temos que ir, mares que temos que mergulhar, montanhas russas que temos que ir e eu tendo que aguentar sua cara de cu fechada com medo e eu me divertindo feito o bob esponja.Eu sei que a gente não pode criar expectativa e planos, porque tudo pode acontecer e nada disso pode realmente se realizar mas quem se importa?Porque não se permitir amar e planejar? O tempo é curto demais pra ficar pensando no pior e deixar de viver algo por medo ou pelos “e se”.

 Confesso que o medo me atormenta todos os dias em algum momento, porque amor e medo andam juntos e quando você foi embora meu mundo estava todo errado e tudo estava esquisito, tudo me tirava do sério e nada funcionava como antes.Só me desculpe o auê,as caras sem significados,desculpa ser detalhista demais, romântica demais, clichê demais e desculpa por sempre pedir desculpas demais, por gostar e perceber tanto as coisas simples como seu nariz e seu olhinhos, mas amo assim como amo você.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s